quinta-feira, 20 de outubro de 2011

De ontem e de hoje...


Dançam as sombras das árvores no chão
Ecoam os risos das crianças no pátio da escola
Latem os cães ao som do assobio do homem dos guarda-chuvas
Ouve-se ao longe o pregão da peixeira
Corre apressada a Maria nas lides diárias

Os sinos da Igreja a marcarem o passo da aldeia
Os foguetes a anunciarem a festa
O cheiro do pão quente
O mar imenso que enche o olhar
O rio e os seus recantos cheios de encanto

Sem comentários:

Enviar um comentário